A cidade texana será para sempre a casa do jovem astro Luka Dončić?

Quando uma coluna começa com títulos e subtítulos interrogativos é porque o assunto gera dúvidas até em quem necessita noticiar fatos. Na última terça (1), o Dallas Mavericks exerceu sua opção contratual de quarto ano e Luka Dončić estará garantido na franquia até a temporada de 2021/22. O valor da transação foi de 10.1 milhões de dólares.

Já conhece o canal do Área Restritiva no Youtube? Clique e se inscreva!

Nada mal para o esloveno de apenas 21 anos que atrai os olhares de todos os torcedores da NBA e da mídia. Sua versatilidade em campo faz com que ocupe até três posições em quadra, sempre com um fantástico domínio da bola e grande capacidade analítica para ler o jogo e armá-lo. Além de ser um excelente pontuador: em 2019, nos 61 jogos em que esteve, anotou uma média de 28,84 pontos.  

Tanta familiaridade com a redonda laranja veio desde o berço: aos sete meses ele teve seu primeiro contato com uma bola de basquete e já fazia pequenos arremessos em cestas de brinquedo. A precocidade sempre foi característica de sua trajetória – aos 13 anos Luka assinou um contrato com o Real Madrid, estreando na EuroLeague três anos depois.  

Ao chegar aos EUA para o draft de 2018, foi selecionado pelo Atlanta Hawks na terceira escolha, mas trocado para o Mavs por Trae Young e um pick de primeira rodada do ano seguinte. As dúvidas sobre o êxito da negociação terminaram logo que Luka pisou na quadra para o primeiro treino, como conta o técnico Rick Carlisle: “em um certo momento nós achamos que poderia haver uma pequena possibilidade de que ele falhasse conosco, mas depois de uns dias ficou muito claro que não haveria chance disso acontecer. Ele simplesmente é muito bom. Nós escolhemos um cara que acreditamos ser uma das peças da base do time.” 

Hoje é inegável que ele é a cara do Dallas Mavericks. Porém será que Luka almeja outros ares, em times com mais astros e, assim, com maiores condições de obter um anel de campeão? Ou ele quer ser a estrela de uma só equipe, daqueles que ficam eternamente na memória dos fãs pela fidelidade com a camisa?

Luka Doncic e Mark Cuban, mais que amigos. Friends!
Mark Cuban, proprietário do Mavs, e Luka: parceria de sucesso. Foto: Dallas Morning News.

A questão surge pela insatisfação pública de jovens jogadores da mesma geração dele, como o próprio Young e Devin Booker, o que fez com que o Hawks e o Phoenix Suns levassem reforços de peso ao seus bancos, como Chris Paul e Danilo Gallinari, respectivamente. Mesmo com pouco tempo na liga estes dois astros já conseguiram um lugar ao sol e possuem a moral de reclamar com as franquias exigindo times competitivos.

Nesse fator disponibilidade de ativos Luka pode se considerar um sortudo. O dono do Mavs, Mark Cuban, não deixa de demonstrar o apreço pelo jogador e a vontade que ele se aposente com a camisa do time. E para dar a Luka uma parceria de qualidade, em 2019 fez uma das negociações mais badaladas da temporada, trazendo para Dallas Kristaps Porziņģis, que vinha de uma fase de insatisfação crescente no New York Knicks. Para Cuban, essa dupla será o futuro de seu time. 

Isso só saberemos em 2022, quando Luka será um agente livre com restrições. Se o peso da camisa do Mavericks o fará feliz, ou se jogar ao lado de estrelas da NBA será seu caminho desejado. Mas isso não tira o sono do rapaz que, segundo sua mãe, Mirjam, ainda é um adolescente típico dentro de casa, passando três horas por dia numa cadeira gamer jogando FIFA.

Seus gostos são simples e joviais: ele sabe preparar um macarrão com atum como ninguém – a comida de república por excelência, diriam os brasileiros. Para o café da manhã, uma tigela de leite com corn flakes e rodelas de banana. Depois do banho e na hora de se vestir, Luka tem à disposição uma coleção de 200 tênis. Alguns deles já estrearam nas quadras e ajudaram o esloveno a carimbar seu nome na liga de basquete mais competitiva do mundo. 

Luka Doncic continuará em Dallas?
O futuro de Luka no Mavs é certo até 2022. Foto: USA Today.

Dallas Mavericks ou nas outras franquias – essa será a escolha de Luka Dončić para 2022. Mas por enquanto os fãs do Mavs podem dormir tranquilos com a certeza de que, a cada partida, Luka é o rei do Texas. 

O Área Restritiva está no YouTube, conheça o nosso canae se inscreva.

Um grupo para discutir basquete como se estivesse em um bar? Conheça o Bar do Área!

Fique por dentro do que está acontecendo no Área em nossas redes sociais; marcamos presença no FacebookInstagram e no Twitter. Ah! Também estamos no Catarse, aqui você conhece todo o projeto do Área Restritiva.

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.